Princesas Modernas x Princesas Clássicas

Li uma matéria muito boa no site Terra na semana passada falando sobre o estereótipo das princesas Disney modernas e o das clássicas.
Comecei a analisar minha infância e me lembrei que nunca assisti ao filme da Bela Adormecida, assisti apenas uma vez ao filme "A Bela e a Fera" e, depois de grande (quando tinha uns 10 anos talvez), assisti ao filme da Cinderela (a parte dele ou inteiro, não me lembro). Nunca fui grande fã dessas princesas que não faziam nada e esperavam a eternidade para serem salvas! A única exceção é a Branca de Neve porque eu realmente gostava muito do filme!
Eu, como toda garota na infância, ainda assim gostava das princesas e das Barbies Princesas...
Logo que saiu o filme "The Cheetah Girls - As Feras da Música", minha música favorita era "Cinderella", na qual elas cantavam que não queriam ser como a Cinderela que ficava sentada esperando ser salva por alguém. Cantavam também que não queriam ser alguém que fica esperando por um príncipe bonito e charmoso vir e salvá-las, que não queriam ser como ninguém mais, que elas podiam se salvar sozinhas. A parte mais legal da música é quando cantavam   "Eu posso matar meus próprios dragões / Eu posso sonhar meus próprios sonhos  / Meu cavaleiro em armadura brilhante sou eu/ Então eu irei me libertar".
De fato, toda garota quer se sentir protegida pelo cara que ama (fato!). Mas também queremos ser independentes, trabalhar, estudar, viajar, depender mais de nós mesmas que dos outros e poder nos salvar.
Além disso, nós mulheres dificilmente temos o físico perfeito, o rosto perfeito e o cabelo impecável das princesas - somos normais! E nem mesmo os caras têm o porte perfeito e o rosto perfeito dos princípes dessas histórias também... 
Por isso que, quando fiquei sabendo das histórias de Valente e Enrolados, antes de ir aos cinemas, fiquei feliz. Essas princesas têm o pensamento diferente, têm atitude e são mais próximas de nossa realidade. Ainda não tive a oportunidade de assistir aos filmes, mas tenho muita vontade. E amo o cabelo da Princesa do filme Valente, pois é a primeira princesa que tem o cabelo cacheado e rebelde como o meu!!!
As princesas não têm que ser sensuais. Elas têm que ser normais - sejam elas gordas, no "peso ideal" ou magras, altas,  médias ou baixas, com cabelos rebeldes ou ajeitados, curtos ou compridos, com cabelos cacheados, ondulados ou lisos, ruivas, morenas ou loiras, negras, morenas ou brancas... Assim, não estabelecemos um padrão de beleza difícil de atingir e as garotinhas conseguem achar uma princesa na qual se identifiquem e que tenha padrões de beleza normais.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

up